Editora LetraSelvagem

Editora e Livraria Letra Selvagem

Literaura Brasileira

Os melhores escritores do Brasil

Ricardo Guilherme Dicke

Romance, Poesia, Ficção

Deus de Caim

Olga Savary

Nicodemos Sena

Edivaldo de Jesus Teixeira

Marcelo Ariel

Tratado dos Anjos Afogados

LetraSelvagem Letra Selvagem

Santana Pereira

Sant´Ana Pereira

Romance

Nicodemos Sena

Invenção de Onira

A Mulher, o Homem e o Cão

A Noite é dos Pássaros

Anima Animalista - Voz de Bichos Brasileiros

A Espera do Nunca mIas (uma saga amazônica)

O Homem Deserto Sob o Sol

Romancista

Literatura Amazonense

Literatura de Qualidade

Associação Cultural Letra Selvagem

youtube
Destaque Cadastre-se e receba por e-mail (Newsletter) as novidades, lançamentos e eventos da LetraSelvagem.

Autores Selvagens

Fonte maior
Fonte menor
Marcos Frota
Página publicada em: 01/11/2022
O grande ator que também se revela um grande escritor. "Payá, eterna arte de paiaçar" é um belo e pungente canto de amor e crença no que há de mais puro no humano: a alegria de uma criança.
Imagem
Nasceu em São Paulo, capital, na Rua Casa do Ator, e criado em Guaxupé, sul de Minas Gerais, de onde vem sua formação espiritual e artística. Notabilizou-se, como ator, por relevantes papéis na TV, teatro e cinema. Seu primeiro trabalho na televisão foi na minissérie Anarquistas, graças a Deus, de Zélia Gatai (1984). Atuou em várias telenovelas, entre as quais Vereda tropical (1984), Cambalacho, de Sílvio de Abreu com direção artística de Jorge Fernando (1986), Sassaricando (1987), América (2005). Interpretou personagens marcantes, entre os quais o atrapalhado Beto, o cego Jatobá e o ingênuo e inesquecível Tonho da Lua em Mulheres de areia (1993). No teatro, foi premiado com Feliz Ano Velho, de Marcelo Rubens Paiva. No cinema, representou o Brasil no Festival de Cannes com O grande circo místico, de Cacá Diegues. Apaixonado pelo circo, onde atuou como trapezista, criou o Projeto Unicirco - Arte, Educação e Comunidade. Atualmente, viaja por todo o Brasil celebrando e divulgando a Mãe de Todas as Artes: a milenar arte circense.

Faça seu comentário, dê sua opnião!

Imprimir
Voltar
Página Inicial

Autores Selvagens

Autor

» Ruth Guimarães

Escritora e estudiosa negra do Vale do Paraíba (SP), que, vencendo preconceitos e tabus, logrou reconhecimento da crítica nacional. “Ruth Guimarães, prosadora de qualidade (...). Não apenas uma escritora bem dotada para a ficção, mas uma autoridade nos estudos da cultura popular.”, escreveu o eminente professor Antônio Candido. João Guimarães Rosa, por sua vez, afirmou: “Ruth Guimarães, minha irmã, parenta minha, que escreve como uma fada escreveria”. (Continue....)

Colunas e textos Selvagens

© 2008 - 2021 - Editora e Livraria Letra Selvagem - Todos os Direitos Reservados.