Editora LetraSelvagem

Editora e Livraria Letra Selvagem

Literaura Brasileira

Os melhores escritores do Brasil

Ricardo Guilherme Dicke

Romance, Poesia, Ficção

Deus de Caim

Olga Savary

Nicodemos Sena

Edivaldo de Jesus Teixeira

Marcelo Ariel

Tratado dos Anjos Afogados

LetraSelvagem Letra Selvagem

Santana Pereira

Sant´Ana Pereira

Romance

Nicodemos Sena

Invenção de Onira

A Mulher, o Homem e o Cão

A Noite é dos Pássaros

Anima Animalista - Voz de Bichos Brasileiros

A Espera do Nunca mIas (uma saga amazônica)

O Homem Deserto Sob o Sol

Romancista

Literatura Amazonense

Literatura de Qualidade

Associação Cultural Letra Selvagem

youtube
Destaque Cadastre-se e receba por e-mail (Newsletter) as novidades, lançamentos e eventos da LetraSelvagem.

Obras Selvagens

Fonte maior
Fonte menor
Payá, eterna arte de paiaçar
Página publicada em: 28/10/2022
Marcos Frota - R$80,00 (44 pág.)
R$ 80,00
Comprar agora
O consagrado ator Marcos Frota estreia na literatura com um texto pleno de fantasia, poesia e exaltação à pureza e à alegria, com os maravilhosos desenhos de Pajé Paryat.
Imagem
Payá é um curumim (menino). Não é bonito, nem guerreiro nem caçador. Ama Cólon, a cunhã (moça) mais linda e formosa da aldeia. Mas Cólon despreza o amor de Payá e pede que ele se afaste dela. Muito triste, Payá olha para as águas claras do rio e se enxerga artista, com o dom de alegrar os outros. Volta para a aldeia, mas Cólon havia ido embora, feliz, com um bravo guerreiro. Para aliviar sua dor, Rudá, deus do amor,  o faz dormir por cem anos. Ao acordar, Payá se vê numa cidade, entre crianças que brincam e o levam para um pequeno circo, onde ele, como palhaço, pôde ser feliz e fazer os outros felizes.
 
Adquira este livro AQUI.

Faça seu comentário, dê sua opnião!

Imprimir
Voltar
Página Inicial

Autores Selvagens

Autor

» Ruth Guimarães

Escritora e estudiosa negra do Vale do Paraíba (SP), que, vencendo preconceitos e tabus, logrou reconhecimento da crítica nacional. “Ruth Guimarães, prosadora de qualidade (...). Não apenas uma escritora bem dotada para a ficção, mas uma autoridade nos estudos da cultura popular.”, escreveu o eminente professor Antônio Candido. João Guimarães Rosa, por sua vez, afirmou: “Ruth Guimarães, minha irmã, parenta minha, que escreve como uma fada escreveria”. (Continue....)

Colunas e textos Selvagens

© 2008 - 2021 - Editora e Livraria Letra Selvagem - Todos os Direitos Reservados.