Editora LetraSelvagem

Editora e Livraria Letra Selvagem

Literaura Brasileira

Os melhores escritores do Brasil

Ricardo Guilherme Dicke

Romance, Poesia, Ficção

Deus de Caim

Olga Savary

Nicodemos Sena

Edivaldo de Jesus Teixeira

Marcelo Ariel

Tratado dos Anjos Afogados

LetraSelvagem Letra Selvagem

Santana Pereira

Sant´Ana Pereira

Romance

Nicodemos Sena

Invenção de Onira

A Mulher, o Homem e o Cão

A Noite é dos Pássaros

Anima Animalista - Voz de Bichos Brasileiros

A Espera do Nunca mIas (uma saga amazônica)

O Homem Deserto Sob o Sol

Romancista

Literatura Amazonense

Literatura de Qualidade

Associação Cultural Letra Selvagem

youtube
Destaque Cadastre-se e receba por e-mail (Newsletter) as novidades, lançamentos e eventos da LetraSelvagem.

Críticas

Fonte maior
Fonte menor
Diário de um médico louco
Página publicada em: 27/03/2013
Bruno Zeni
Resenha originalmente publicada no Guia Folha (Encarte do jornal "Folha de São Paulo", 29/09/2012, SP)
O romance do neurocientista Edson Amâncio, Diário de um médico louco, conta os últimos dias do Dr. B., gastroenterologista que teria confiado seu diário a um amigo jornalista, que por sua vez publicou o texto que o leitor tem diante dos olhos. As peripécias do médico ensandecido, que insiste em afirmar a própria sanidade, vão de Santos a Moscou e São Petersburgo, na Rússia, onde encontra os espectros de Gógol e Dostoiévski.
 
A narrativa revisita temas da literatura moderna, como o pacto com o diabo, o duplo, os limites do conhecimento, a polifonia de vozes e as implicações filosóficas do suicídio. O estilo elaborado e irônico toma como inspiração e modelo Machado de Assis e Tchékov. Nessa forma aberta e autoirônica, o protagonista pretensamente louco e possivelmente defunto não se delineia com clareza, imerso na pretensão intelectual, na desfaçatez profissional, na inconstância afetiva, no moralismo, na crueldade e até no sobrenatural. Com isso, o autor aponta para uma volubilidade que os bons leitores saberão reconhecer e apreciar com sorriso amargo, espírito crítico e desencanto.
 
_____________
*Bruno Zeni é jornalista e escritor

Faça seu comentário, dê sua opnião!

Imprimir
Voltar
Página Inicial

Autores Selvagens

Autor

» Cyro de Mattos

Autor premiado e consagrado pela Crítica. Dono de estilo denso e labiríntico. Legítimo representante do que há de melhor na narrativa produzida na região cacaueira do sul da Bahia. Segundo Alceu Amoroso Lima, Cyro de Mattos tem uma "extraordinária capacidade de dar aos aspectos mais típicos da realidade nacional, em estilo profundamente impregnado da nossa fala brasileira, a revelação de um escritor visceralmente nosso... admirável ficcionista".

Colunas e textos Selvagens

© 2008 - 2021 - Editora e Livraria Letra Selvagem - Todos os Direitos Reservados.